???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.metodista.br/jspui/handle/tede/45
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: A CONCEPÇÃO SOBRE SER HUMANO PARA O DISCENTE DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO: APROXIMAÇÕES COM A FENOMENOLOGIA DE EDITH STEIN
Other Titles: The concept of human for human for students of course admistration: aproaches to phenomenology of edith stein
???metadata.dc.creator???: Demarchi, Luciana
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Vieira, Almir Martins
???metadata.dc.contributor.referee1???: Josgrilberg, Rui de Souza
???metadata.dc.contributor.referee2???: Castro, Dagmar Silva Pinto de
???metadata.dc.description.resumo???: As grandes Revoluções que a história oficial relata apresentam um aspecto comum: a evolução do processo de comunicação aliada à evolução tecnológica. A partir do Século XX, as informações passaram a circular em número e em velocidade escalares. A interdependência e a interligação dos países, nações e pessoas estreitaram-se, pois a mobilidade no espaço virtual, progressivamente, relativiza as distâncias e os espaços geofísicos. Todavia, a avalanche de conhecimento, de aprimoramento científico e de desenvolvimento econômico parece não ser suficiente para responder, concretamente, as questões que ainda assolam a humanidade. Neste cenário, o presente trabalho tem por objetivo aproximar a concepção de ser humano para discentes do curso de administração com as categorias existenciais presentes no pensamento de Edith Stein, por meio dos objetivos específicos: Compreender o que é ser humano para o discente do curso de administração em uma IES Confessional do ABC Paulista; descrever o que é ser humano a partir do pensamento fenomenológico de Edith Stein; buscar convergências, divergências e/ou idiossincrasias entre os relatos de discentes do curso de administração em uma IES Confessional do ABC Paulista e o pensamento de Edith Stein. Para tal, foram colhidos cinco relatos de discentes de administração, por meio dos quais foram feitas aproximações, convergências-divergências com as categorias analíticas da concepção de ser humano no pensamento de Edith Stein para cada sujeito, tendo como questão norteadora: o que é ser humano para você ? Após a coleta, as entrevistas foram analisadas tendo como referência os trabalhos de Edith Stein (fenomenologia eidética), Castro (2003), Flauzino (2012) e Estanislau (2010), cumprindo as seguintes etapas: literalização dos relatos ingênuos, levantamento das unidades de sentido, levantamento e análise fenomenológica das categorias, as quais possibilitaram o diálogo intersubjetivo e objetivo com os pressupostos teóricos sobre o tema em pauta. Categorias estas denominadas de: 1. Corpo Físico e Corpo Vivente; 2. Espírito; Sujeito Psicofísico; 3. Comunidade. A partir da análise das categorias, observou-se que a concepção de ser humano conflui para a unidade do ser, ser este que é composto por corpo vivente, psique e espírito, de forma a possibilitar relações com o outro e com o ambiente. Não é possível ser humano sem um encontro com o outro, sem o respeito mútuo, sem a liberdade de ser o que se é. Emerge a dos relatos a dimensão comunitária, somente na qual se é possível realizar a humanidade, por meio de atos de liberdade, respeito e de compaixão. Desvelou-se também dentro destes relatos, que quando se é humano, a vida em seu todo é realizada de forma harmoniosa. Poder-se-á, então, por meio do revelar-se do fenômeno, obter uma nova forma de olhar, de pensar e questionar as práticas vivenciadas na Administração, contribuindo com a formação de uma massa crítica para as ciências sociais aplicadas da administração, ao refletir sobre o que há de mais estruturante e nuclear no discente de administração.
Abstract: The great revolutions that the official story reports, present a common aspect: the evolution of the communication process coupled with technological developments. Since the twentieth century, the information began to circulate in scalar number and speed. The interdependence and interconnectedness of countries, nations and people narrowed because mobility in virtual space, progressively relativizing distances and geophysical spaces. However, the amount of knowledge, scientific improvement and economic development is not enogh to answer, specifically, issues that spread among the human kind. In this scenario, the present work aims to close the gap among the concept of human being based on students from the administration and the existential categories presents at Edith Stein s studies, focused on specific objectives: Understand what is human being is for to the administration course students in a HEI Confessional at the ABC Paulista ; describe what human being is based on the Edith Stein s phenomenological theory; seek convergence, divergence and / or idiosyncrasies between reports from administration students in an HEI Confessional at ABC Paulista and Edith Stein s theory. To this end, five reports of administration students were obtained, which allowed approximations, convergence-divergence with the analytic conception categories of the human being at the Edith Stein s theory for each subject, based on the master question: " what is human to you? ". After that, the interviews were analyzed with reference in the work of Edith Stein ( eidetic phenomenology ) , Castro (2003 ) , Flauzino (2012 ) and Stanislaus (2010 ) , fulfilling the following steps : naive reports lateralization, sense units assesment, phenomenological categories survey and analysis, which enabled the inter subjective and objective dialogue, with the theoretical assumptions about the topic in spot. Those categories are: 1. Physical and Living Body. 2. Soul; Psychophysical Subject 3. Community. From the analysis of the categories, it was observed that the concept of human being converges to the unity of the being concept, being concept that this is composed of a living body, psyche and soul, in order to facilitate their relationship with each other and with the environment. You can not be human, without an encounter with other human being, without mutual respect, without the freedom to be what you are. The communitarian dimension, in which it is only possible to carry humanity through acts of freedom, respect and compassion, came up from the reports. It was also unveiled within these reports, that when it human life is performed smoothly when it is achieved entirety. Power will then through prove the phenomenon , get a new way of looking, thinking and questioning practices experienced in Administration Science, contributing to the critical mass for applied social sciences administration built, reflecting on what's the core and more structuring at the administration student.
Keywords: Administração
discente de administração
fenomenologia
ser humano
formação.
administration
administration student
phenomenology
human being
training.
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Universidade Metodista de São Paulo
???metadata.dc.publisher.initials???: UMESP
???metadata.dc.publisher.department???: Gestão de organizações
???metadata.dc.publisher.program???: PÓS GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.metodista.br/jspui/handle/tede/45
Issue Date: 12-Sep-2013
Appears in Collections:Programa de Pos Graduação em Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Luciana Demarchi.pdf1.01 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.