???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.metodista.br/jspui/handle/tede/1968
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: ENSINO HÍBRIDO: UMA ANÁLISE BIBLIOGRÁFICA DAS PUBLICAÇÕES NO PORTAL DE PERIÓDICOS - CAPES
Other Titles: HYBRID EDUCATION: A BIBLIOGRAPHICAL ANALYSIS OF PUBLICATIONS IN THE PERIODIC PORTAL - CAPES
???metadata.dc.creator???: MUCHUELO, NEI
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Vieira, Almir Martins
???metadata.dc.contributor.referee1???: Oliveira , Rodrigo Ribeiro de
???metadata.dc.contributor.referee2???: Calipo , Valéria
???metadata.dc.description.resumo???: O ensino híbrido não é um termo novo nem um conceito revolucionário para as salas de aula. No entanto, a maneira como está sendo interpretada pode ser esperançosa ou prejudicial dependendo de como ela é implementada. O ensino híbrido ocupou um lugar nos discursos de mudança educacional por mais de uma década, mas não pode ser um movimento que desloca a dimensão humana da aprendizagem com um imperativo econômico para reduzir os custos trabalhistas cortando pela metade a população docente, cortando professores certificados em favor de grupos on-line massivos de alunos instruídos por "facilitadores" ou "especialistas individuais em aprendizado". As tecnologias devem ser empregadas para ajudar os alunos a se tornarem cidadãos capacitados, em vez de consumidores passivos. São necessárias inovações na educação que ajudem a criar uma sociedade onde as pessoas possam florescer em comunidades culturalmente ricas, informadas, democráticas, digitalmente conectadas e diversificadas, devemos alcançar um equilíbrio mais sutil que combine as tecnologias digitais e a presença física de um professor atencioso, conhecedor e pedagogicamente atencioso. Este não é um opcional “bom ter”, mas um “deve ter”. A metodologia deste trabalho compreende em uma pesquisa bibliográfica, denominada estado do conhecimento, trata-se do levantamento da bibliografia já publicada com a finalidade de colocar o pesquisador em contato direto com tudo aquilo que foi escrito sobre determinado assunto. Esta pesquisa assume abordagem qualitativa, com exploração documental de material, ainda que apresente alguns dados quantitativos para expressar o panorama dos artigos identificados. O objetivo é descrever por meio da pesquisa bibliográfica de produção científica sobre as publicações do ensino híbrido, realizando uma revisão sistemática referente ao período de 2005 a 2018, para a pesquisa, foram selecionados 40 artigos, sendo 21 na área da Administração e 19 na área da Educação. Tomando por base o Portal CAPES de Periódicos Científicos, a CAPES foi escolhida para ser consultada, por sua importância e sofisticação na academia. A coleta de dados ocorre mediante consulta nos sites do portal, por meio das palavras-chave “ensino híbrido”, e foi utilizado o seguinte roteiro de procedimentos para a análise dos dados qualitativos, leitura com atenção dos textos; análise e destaque dos elementos do texto; busca por padrões nos textos analisados (semelhanças) e agrupamento das palavras-chave. Os resultados encontrados foram que esta tendência desconstrói os conceitos fixos que diferenciam aulas presenciais das virtuais, pois unifica a percepção de educação e do aprendizado, independente do meio que será transmitido. É fato que uma boa aula e professores qualificados no ensino jamais substituirão aparelhos, tecnologias ou sistemas. Mas tornar a educação mais atrativa e integrada aos hábitos dos alunos através do ensino hibrido não só facilita o trabalho dos educadores envolvidos como torna os alunos mais informados e interessados em todo o processo de aprendizagem.
Abstract: Blended Learning is neither a new term nor a revolutionary concept for the classroom. However, the way it is interpreted can be hopeful or harmful depending on how it is implemented. Blended Learning has held a place in educational change discourses for more than a decade, but it cannot be a movement that shifts the human dimension of learning with an economic imperative to reduce labor costs by halving the teaching population, cutting certified teachers in favor of massive online groups of students instructed by "facilitators" or "individual learning experts. Technologies should be employed to help students become empowered citizens, rather than passive consumers. Innovations in education are needed to help create a society where people can flourish in culturally rich, informed, democratic, digitally connected and diverse communities; we must achieve a more subtle balance that combines digital technologies and the physical presence of a caring, knowledgeable and pedagogically thoughtful teacher. This is not an optional "good to have," but a "must have. The methodology of this work comprises in a bibliographic research, called state of knowledge, it is the survey of the bibliography already published with the purpose of putting the researcher in direct contact with everything that was written about a certain subject. This research takes a qualitative approach, with documentary exploration of material, although it presents some quantitative data to express the overview of the articles identified. The objective is to describe by means of the bibliographic research of scientific production on the publications of hybrid education, performing a systematic review for the period from 2005 to 2018, for the research, 40 articles were selected, 21 in the field of Administration and 19 in the field of Education, based on the CAPES Gate of Scientific Journals, CAPES was chosen to be consulted, due to its importance and sophistication in academy. Data collection occurs through consultation on the websites of the portal, through the keywords "hybrid teaching", and the following script of procedures was used for the analysis of qualitative data, reading with attention to the texts; analysis and highlighting of text elements; search for patterns in the analyzed texts (similarities) and grouping of keywords. The results found were that this trend deconstructs the fixed concepts that differentiate face-to-face classes from virtual ones, because it unifies the perception of education and learning, regardless of the medium that will be transmitted. It is a fact that a good class and qualified teachers in teaching will never replace devices, technologies or systems. But making education more attractive and integrated with students' habits through hybrid teaching not only facilitates the work of the educators involved but also makes students more informed and interested in the entire learning process.
Keywords: Ensino Híbrido; Ensino Presencial; EAD; Ensino Superior
Blended Learning; Face-to-face teaching; Distance learning; Higher Education
???metadata.dc.subject.cnpq???: CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Metodista de Sao Paulo
???metadata.dc.publisher.initials???: IMS
???metadata.dc.publisher.department???: Administracao::Programa de Pos Graduacao em Administracao
???metadata.dc.publisher.program???: Administracao
Citation: MUCHUELO, NEI. ENSINO HÍBRIDO: UMA ANÁLISE BIBLIOGRÁFICA DAS PUBLICAÇÕES NO PORTAL DE PERIÓDICOS - CAPES. 2019. 94 folhas. Dissertação( Administracao) - Universidade Metodista de Sao Paulo, Sao Bernardo do Campo.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.metodista.br/jspui/handle/tede/1968
Issue Date: 25-Sep-2019
Appears in Collections:Programa de Pos Graduação em Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
NEI MUCHUELO2.pdfBiblioteca Digital de Teses e Dissertações - TEXTO COMPLETO1.31 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.