???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.metodista.br/jspui/handle/tede/1733
???metadata.dc.type???: Tese
Title: INOVAÇÃO EM COMUNICAÇÃO NO BRASIL: CONTEXTO, DESAFIOS E OPORTUNIDADES
Other Titles: INNOVATION IN COMMUNICATION IN BRAZIL: CONTEXT, CHALLENGES AND OPPORTUNITIES
???metadata.dc.creator???: ARAUJO, LUCAS VIEIRA DE
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Farias, Luiz Alberto Beserra de
???metadata.dc.contributor.advisor2???: Santos , Marli dos
???metadata.dc.contributor.referee1???: Josgrilberg, Fabio Botelho
???metadata.dc.contributor.referee2???: Cappellozza , Alexandre
???metadata.dc.contributor.referee3???: Rondani , Bruno
???metadata.dc.contributor.referee4???: Lima Júnior , Walter Teixeira
???metadata.dc.description.resumo???: Estudos da área de comunicação no Brasil iniciaram um debate há alguns anos em torno da inovação, porém ainda há muitos aspectos que precisam ser mais bem avaliados. Uma dessas vertentes é o que está sendo feito neste país para inovar em setores diretamente envolvidos com a área de comunicação. Esta tese, assim, busca contribuir com o objetivo de identificar e caracterizar os principais movimentos de inovação em comunicação no Brasil e de que forma eles se sustentam e interagem com o ecossistema. Para tanto, este estudo realizou pesquisa qualitativa, exploratória, descritiva e explicativa em três universos distintos: startups, empresas de mídia estabelecidas, fundos de investimentos e organizações de fomento à inovação. O único universo que realizou uma análise regionalizada foi das empresas de mídia estabelecidas. Os demais abrangeram organizações de nível nacional, todas entre as maiores do segmento em que atuam. Ao todo 21 organizações fizeram parte do corpus desta tese, que coletou dados primários e secundários por meio de entrevista estruturada, pesquisa documental e observação participante. Tais dados deram origem a quatro unidades de análise diferentes: i) Entrevista com Gestores; ii) Relatórios anuais do Sistema Paulista de Parques Tecnológicos; iii) Avaliação do site das organizações; e iv) Reportagens na mídia. Estas basearam a formação de quatro categorias de análise: i) Inovatividade; ii) Maturidade; iii) Modelo Triplo Hélice; e iv) Desenvolvimento de inovação em comunicação. As categorias deram origem a doze subcategorias, criadas a partir do referencial teórico e da aplicação da observação participante. A fundamentação teórica baseou-se na teoria clássica da inovação, cujos pressupostos teóricos foram basilares, também, na análise das informações coletadas, em consonância com estudos internacionais que tiveram propósitos semelhantes. Dentre os resultados desse estudo, verificou-se que em todos os universos de pesquisa o grau de inovação é reduzido, a inovação é incremental, o Modelo Triplo Hélice produziu poucos resultados efetivos no desenvolvimento de ambientes de inovação na área de comunicação, e há uma falta generalizada de integração entre os entes do ecossistema. Assim como outros estudos de áreas distintas da comunicação já concluíram, um dos principais problemas do Brasil em termos de inovação é o distanciamento entre empresas privadas, governo e universidades. Este estudo identificou ainda que as organizações estudadas, de forma geral, realizam ações pontuais, sazonais e focadas em suas próprias necessidades, as quais não contribuem de forma efetiva para o desenvolvimento do ecossistema de inovação em comunicação no Brasil.
Abstract: Studies from the area of communication in Brazil started a debate some years ago regarding innovation, but there are many aspects that have to be better evaluated. One of those threads is being conducted in the country with the aim to innovate in sectors directly involved with the area of communication. Therefore, this thesis aims to contribute with the objective to identify and characterise the main movements of innovation in communication in Brazil, as well as to know how they self sustain and interact with the ecosystem. For that, this study conducted a qualitative, exploratory, descriptive and explanatory research in three distinct universes: startups, established media companies, and investment funds and organizations that foment innovation. The universe with established companies was the only one that conducted a regionalised analysis. The others comprised organisations in national level that are amongst the biggest of their respective segments. A total of 21 organisations were part of this thesis' corpus, which gathered primary and secondary data by structured interview, documentary research and observant participation. Such data created four different units of analysis: i) interview with managers; ii) annual reports by the Sistema Paulista de Parques Tecnológicos; iii) evaluation of the organisations' websites; and iv) reports in the media. Those were the basis for the formation of four categories of analysis: i) innovativeness; ii) maturity; iii) Triple Helix concept; and iv) development of innovation in communication. The categories created twelve subcategories, created from the theoretical referential and the appliance of the observant participation. The theoretical grounds were made on the classic theory of innovation, which arguments also were based on the analysis of the data gathered, according to international studies with similar purposes. Among the results of this study for all the universes of research, I noticed that the level of innovation is reduced, innovation is incremental, the Triple Helix concept produced few effective results in the development of innovation environments in the area of communication, and there is a generalised lack of integration between the entities of the ecosystem. As concluded by other studies from distinct areas of communication, one of the main issues in Brazil in regard to innovation is the distance between private companies, government and universities. This study also identified that, in general, the organisations subjected to the study perform punctual, seasonal and focused actions in their own needs, and such actions do not contribute in an effective manner to the development of the ecosystem of communication innovation in Brazil
Keywords: Inovação; Comunicação; Ecossistema; Startups; Modelo triplo hélice
Innovation; Communication; Ecosystem; Startups; Triple helix concept
???metadata.dc.subject.cnpq???: CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Universidade Metodista de Sao Paulo
???metadata.dc.publisher.initials???: IMS
???metadata.dc.publisher.department???: Comunicacao Social:Programa de Pos Graduacao em Comunicacao Social
???metadata.dc.publisher.program???: Comunicacao Social
Citation: ARAUJO, LUCAS VIEIRA DE. INOVAÇÃO EM COMUNICAÇÃO NO BRASIL: CONTEXTO, DESAFIOS E OPORTUNIDADES. 2018. 248 folhas. Tese( Comunicacao Social) - Universidade Metodista de Sao Paulo, São Bernardo do Campo.2018.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.metodista.br/jspui/handle/tede/1733
Issue Date: 19-Feb-2018
Appears in Collections:Programa de Pos Graduação em Comunicação Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LUCAS V.ARAUJO.pdfBIBLIOTECA DIGITAL DE TESES E DISSERTACOES - TEXTO COMPLETO1.55 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.